Rush começa o ano com novo disco

Prestes a completar 60 anos, Neil Peart, um dos melhores bateristas da história do rock, relata entusiasmado em seu site um pouco do processo de gravação do novo álbum de sua banda – Rush. O músico, influenciado por Keith Moon (The Who, R.I.P.), conta que as gravações iniciaram no final de 2009, mas só terminaram agora recentemente, em Toronto, devido terem entrado na turnê de Time Machine, que passou pelas Américas e Europa em 81 shows. Peart narra de maneira interessante como gravava a bateria das composições:

Toquei cada música sozinho, verificando padrões que pudessem funcionar, então convidei Nick Raskulinecz (produtor musical). Ele ficava na sala comigo, encarando minha bateria com a música rolando e uma única baqueta – ele era meu condutor e eu era sua orquestra.

Eu deveria atacar a bateria respondendo de acordo com o seu entusiasmo e suas sugestões entre os takes, e juntos nós martelamos as arquiteturas básicas de cada uma das partes.

Sua batuta conduzia-me em coros, bridges, contratempos e assim por diante, então eu não precisava me preocupar com as durações. Sem contagem e sem repetições infinitas.

O novo álbum, entitulado Clockwork Angels (Roadrunner records) deverá ser lançado em breve, e, de acordo com entrevistas recentes da banda, está em fase final de mixagem.

Foto: Craig M. Renwick

Rush surgiu em 1968 e teve sua formação consolidada a partir do lançamento de seu primeiro álbum Rush (Mercury Records), em 1974. Desde então a banda mantém os mesmos integrantes: Geddy Lee (voz, baixo, teclado e synths), Alex Lifeson (guitarra) e Neil Peart (bateria). Ao longo de sua trajetória, o trio progressivo tem influenciado diversas bandas como Metallica, The Smashing Pumpkins, Iron Maiden, Rage Against The Machine e Dream Theater e acumulado diversos premiações: Juno Awards, adicionados ao Canadian Hall of Fame, 24 discos de ouro, 14 de platina, destes, 3 de multiplatina. E de acordo com a Recording Industry Association of America (RIAA), o Rush é o “quarto colocado nas estatísticas de vendas de álbuns consecutivos de ouro ou platina por uma banda de rock” (fonte: Wikipedia).

Apesar de pouco aparecerem na mídia brasileira, a banda sempre alavanca multidões por onde passa, e no Brasil não é diferente. Em 2002 gravaram o DVD “Rush In Rio”, produzido por Daniel Catullo (Kiss, Guns N’ Roses, The Black Eyed Peas) em show ao vivo no estádio do Maracanã para mais de 40.000 pessoas, sendo este seu segundo maior público, ficando atrás somente da apresentação ocorrida na noite anterior, em show realizado em São Paulo para cerca de 60.000 pessoas.

Foto: Enrico Frangi

Rush – álbuns de estúdio:

    Rush (1974)
Fly by Night (1975)
Caress of Steel (1975)
2112 (1976)
A Farewell to Kings (1977)
Hemispheres (1978)
Permanent Waves (1980)
Moving Pictures (1981)
Signals (1982)
Grace Under Pressure (1984)
Power Windows (1985)
Hold Your Fire (1987)
Presto (1989)
Roll the Bones (1991)
Counterparts (1993)
Test for Echo (1996)
Vapor Trails (2002)
Feedback (EP) (2004)
Snakes & Arrows (2007)
Clockwork Angels (2012)

leia mais

images

Rock para os namorados

Mês de junho… Sabe como é, né? Dia 12 é o Dia dos Namorados, e você aí, sem ideia do que fazer pra sua pequena… Ela já deve estar enjoada das mesmas coisas de sempre e tudo mais… Então, que tal você fazer um CD com umas músicas bonitinhas pra ela? Mas tem que ser […]

The-Ramones1

Cinco músicas originais e suas versões

Músicas boas sempre marcam as vidas das pessoas. Porém, muitas delas ficaram conhecidas mais pelos regravações do que por suas versões originais. Sendo assim, decidi separar algumas dessas sereníssimas canções para que possamos, juntos compará-las com seus respectivos covers. Vamos lá?   1- I fought the law     Em sua versão de 1966, vemos Bobby […]

2c8baa627f6911e2934722000a9f3cae_6

O que ouvir em uma viagem? A trilha sonora perfeita para “o pé na estrada”

Qualquer viagem começa com o planejamento – Onde ir? Depois da resposta a esta primeira pergunta, começamos a pesquisar locais para conhecer, os mais famosos, os mais recomendados, os mais conhecidos, os mais difíceis, os pontos turísticos e como chegar em cada lugar. Roteiros. Viajar é principalmente praticar o desapego. É desligar-se totalmente das preocupações que […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: