“Yo la tengo”, querida

Por: Adriano Padilha e Igor Gurjão

E lá se vão 27 anos de estrada, 16 álbuns, 7 EP’s e vários singles lançados, formando uma excelente discografia, sucesso de crítica no mundo musical. Estamos falando da Yo La Tengo (YLT), banda norte-americana formada em 1984, na cidade de Hoboken, Nova Jersey, com uma longa carreira de ótimos álbuns, porém, pouca notoriedade.

Bem, originalmente, o grupo era composto apenas por Ira Kaplan (vocal e guitarra), e sua esposa Georgia Hubley (vocal e bateria), porém o casal desejava muito recrutar outros músicos que compartilhassem do mesmo amor por bandas como The Soft Boys, Mission Of Burma e Arthur’s Lee Love, que são algumas de suas referências.

Ok.

E qual é o jeito mais fácil de se fazer isso? Claro, anunciando em jornais! O casal colocou vários anúncios de “precisam-se de músicos para nova banda” nos impressos diários da cidade. Um número considerável de baixistas e guitarristas passaram pelo grupo nos seus primeiros anos. Depois de um tempo e algumas experimentações, os membros pareceram se estabilizar com a entrada do guitarrista Dave Schramm e do baixista Mike Lewis, durante as gravações do álbum Ride the Tiger, de 1986 – que aliás, é o primeiro disco do grupo.

Pouco antes do lançamento do Ride The Tiger, ambos, Schramm e Lewis, saíram da banda, deixando Ira Kaplan novamente responsável pela guitarra. Em 1987, Stephan Wichnewski assume o cargo de baixista oficial do grupo – não por muito tempo. E não foi a última vez que vimos Schramm na Yo La Tengo, ele retornou mais tarde, em 1990, nas gravações do álbum Fakebook.

Após a saída de Wichnewski, finalmente, um novo baixista, James McNew, apareceu durante as gravações do EP May I Sing with Me, configurando, enfim, a atual formação da banda – Georgia Hubley, Ira Kaplan e James McNew.

A rica discografia da banda faz com que possam transitar entre muitas influências e referências. Não é difícil notar no meio de tudo isso semelhanças a Sonic Youth, Flaming Lips, Velvet Underground e até Belle & Sebastian. Assim fica difícil não curtir, né?

Não adianta ficar falando. Se não conheces, é agora, e se não curtes… tenta de novo.

Lá vão os links!

Da intensidade de “Artificial Heart” (Genius + Love = Yo La Tengo – 1996) …

Yo_La_Tengo_-_Artificial_Heart.html

…ao experimentalismo de “Autumn Sweater” (I Can Hear The Beating as One – 1997)

Autumn_Sweater_-_Yo_La_Tengo.html

E tem também a Yo La Tengo na Escola de Rock!

“Sugarcube”

leia mais

images

Rock para os namorados

Mês de junho… Sabe como é, né? Dia 12 é o Dia dos Namorados, e você aí, sem ideia do que fazer pra sua pequena… Ela já deve estar enjoada das mesmas coisas de sempre e tudo mais… Então, que tal você fazer um CD com umas músicas bonitinhas pra ela? Mas tem que ser […]

The-Ramones1

Cinco músicas originais e suas versões

Músicas boas sempre marcam as vidas das pessoas. Porém, muitas delas ficaram conhecidas mais pelos regravações do que por suas versões originais. Sendo assim, decidi separar algumas dessas sereníssimas canções para que possamos, juntos compará-las com seus respectivos covers. Vamos lá?   1- I fought the law     Em sua versão de 1966, vemos Bobby […]

2c8baa627f6911e2934722000a9f3cae_6

O que ouvir em uma viagem? A trilha sonora perfeita para “o pé na estrada”

Qualquer viagem começa com o planejamento – Onde ir? Depois da resposta a esta primeira pergunta, começamos a pesquisar locais para conhecer, os mais famosos, os mais recomendados, os mais conhecidos, os mais difíceis, os pontos turísticos e como chegar em cada lugar. Roteiros. Viajar é principalmente praticar o desapego. É desligar-se totalmente das preocupações que […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: